A novinha safada gosta de um pedreiro

Me chamo Anderson e moro em Brasília a três anos vim de Minas Gerais após minha separação e em uma de minhas crises financeiras arrumei um trabalho só sábado e domingo como vigia de uma obra, era a construção de um prédio de 4 andares, ao lado tinha uma casa com uma pequena piscina, ao subir no sábado por volta de 10 horas da manhã na laje do segundo andar puder ver uma cena maravilhosa, uma ninfetinha bem novinha nem sei a idade mas tinha carinha de 16 anos, ela estava nadando na piscina e fiquei parado na porta da construção ainda inacabada no segundo só vendo aquela princesa quando ela sai e me vê observando, da um lindo sorriso, fiquei de pau duro na hora, mais tarde eu estava no portão e ela passou e me cumprimentou e disse é vc que vigia aqui no final de semana agora? Eu disse sim e ela disse que sempre fazia suco e lanche e trazia para uma vigia e ela me disse que era uma mulher mas que bom que agora é homem e sorriu, e perguntou se aceitava um lanche mais tarde eu disse que seria muito bom, então mais tarde estava ela lá trazendo um lanche, disse que chamava Gisele e se permitia trazer um menino que ela estava ficando só pra dar uns beijos eu disse pode mas n queria problema, por volta das 19hs ela chega com um garoto parecia ter uns 18 anos, eu disse vai para o andar de cima e não demore muito n, após uns 15 minutos subi devagar e vi ela de joelhos mamando a pika do garoto e n aguentei e comecei bater uma vinheta vendo a cena, aí ele meteu a pika na sua buceta e em cinco minutos gozou só vi ela reclamando poxa vida mas já gozou? Desci despistadamente e depois de um tempo eles descem, ela me agradeceu e foi embora, eu por volta das 22horas fui deitar e acendi uma lâmpada meia fraquinha, e tirei a calça e estava masturbando devagar pensando na novinha levando pika, de repente ela chega e disse moço desculpe eu esqueci meu celular lá em cima, e olhou meu pauzão e ficou paralisada e disse nunca vi um desse tamanho, eu disse pega e ela veio e pegou e elogiava e dizia nossa que tesão que estou e eu disse acabei vendo que seu namoradinho não te satisfez e ela disse pois é, e me disse que o pai e a mãe saiu pra uma balada e se eu quisesse podíamos brincar eu disse nossa vou adorar, derrepente ela caiu de boca e mamou com tanta vontade, eu peguei ela e beijei com tanta vontade que ela ficava louca se esfregando em mim, joguei ela na minha cama e disse só n vou chupar vc pq seu namoradinho gozou aí e ela disse que nada gozou na camisinha e até deixou ela lá em cima então n perdi tempo arranquei seu vestidinho e tirei seu sutien e sua calcinha, meti a boca com vontade chupava sua língua, seus pelinhos durinhos e sua bucetinha, ela era peludinha e pequenininha, mas uma delícia com cheirinho delicioso, eu então fui fudendo ela com minha língua penetrando ela o tanto que minha língua aguentava entrar, sugava com vontade seu grelinho até que ela gozou com minha língua penetrando ela, ela dizia nossa que língua maravilhosa e aí que não parava de chupar senti seu melzinho escorrendo em minha língua, e fui subindo beijando suas coxas, buceta e barriga , chupando os peitos e beijando sua boca de menininha que tinha feito 18 anos a pouco tempo e era toda durinha, fui beijando e deixando o pauzão esfregando na entradinha de sua bucetinha até que fui empurrando, nossa era muito apertada e meu pau foi abrindo ela todinha até que coloco tudo e ela disse nossa como é bom ser invadida por um pauzão assim, mete com vontade cachorro, então comecei torar com vontade, meti uns 20 minutos e ela gozou muito e gritou dizendo nossa assim tá me arregaçando toda e estou adorando ser fudida por vc, mete mais quero gozar mais, coloquei ela de lado e meti mais uns 15 minutos beijando suas costas e dando carícias em seu corpo até que ela grita puta que pariu tô gozando denovo, sentei em um banquinho de madeira, e coloquei ela sentada no meu pau de frente para mim e fui beijando ela é chupando seus peitos enquanto ela cavalgada no meu pau, depois coloquei ela de 4 e meti com força ela gritava aí tá arregaçando minha buceta cachorro, aí que eu meti a forte metendo tapas em sua bunda e cara e puxando seu cabelo e dizia pra ela isso que você queria né sua putinha, vagabunda ser fudida de verdade né vou deixar sua buceta ardida pra você lembrar de mim a semana toda e então disse vou gozar na sua boca fica de joelhos que agora a putinha vai beber meu leitinho, gozei muito e ela bebeu tudo e olhou pra mim com um sorriso lindo e uma cara de safadinha, depois fomos beijando gostoso novamente e ela disse que queria dar o cuzinho pra mim, meti a língua em seu rabo, e deixei bem molhadinho e fui empurrando devagar até que entrou tudo ela chorava de prazer e um pouco de dor eu disse vamos parar e ela disse jamais hj quero aproveitar sua experiência e me realizar pode fuder meu cú porque hoje quero sair toda fudida daqui, então meti com vontade até que gozei gostoso denovo, enquanto fiquei lá ela ia todo os dias do final de semana e feriado fizemos inúmeras loucuras e 79 posições diferentes, depois eu arrumei um emprego em minha área saímos umas 5 vezes e ela arrumou um namorado e não ficamos mais, se você gostou do que leu e deseja um macho de verdade pra realizar vc manda email com zap e DDD que chamo vc e marcamos alguma coisa ou quem sabe um relacionamento sério pra futuro casamento. [email protected], ou chama no zap (61)99591-8342.

1 comentário em “A novinha safada gosta de um pedreiro”

Deixe uma resposta