Amigos brincando no quarto 03 #Drake

Amigos brincando no quarto 03 #Drake
Olá sou eu novamente Drake, voltando aqui atendendo a pedidos para contar a última parte da minha história. Bem tenho 1,72 e 70 kg, sou moreno claro com olhos e cabelos castanhos escuros, tenho um corpo Atlético, pois prático vários esportes. Eu tinha na época 26 anos meu amigo uns 20 anos, ele tem 1,60 magrinho uns 50 kg, carinha de anjinho, cabelos lisos e olhos castanhos igual seus cabelos, já somos amigos a algum tempo.Bem se você estiver lendo este conto aconselho ler primeiro a parte 1e2 procure como DRAKE.
Vamos lá…
Após um dia exaustivo no Parque voltamos para o hotel já a noite, decidimos comprar uma Pizza e ficar por ali mesmo no hotel já que a cidade não tinha uma vida noturna legal. Mesmo com nossas brincadeiras de início de tarde nos comportamos normalmente no parque como se não tivesse acontecido nada. Tomamos banho separadamente já que a pizza ia chegar e um tinha que ficar de olho, após banho tomado chegou a pizza.
Colocamos ela em uma das camas, eu estava de samba-canção e ele so de cuequinha, então ele ajoelhou no chão para cortar a pizza, enquanto ele estava ali com a mão melada de pizza porque não tínhamos talheres, eu ajoelhei entre as pernas dele cheguei bem perto dele e encostei minha samba na cuequinha dele e sussurrei no ouvido dele.
– Já comeu pizza peladinho?
Ele olha pra mim entre os ombros.
– Não, Porque?
Dou um sorriso safado e uma encochadinha nele mais forte, prensando ele contra cama, ele fala.
– Ai Não, rsrsrs so porque estou com a mão suja e nao posso me defender.
Enato abaixo a cuequinha dele e tiro ela toda enquanto ele continua a cortar a pizza, ai tiro a minha samba e meu pau já duro fica encostando no bumbum dele. Ele fica indo pra trás pra sentir mais meu pau contra ele, beijo o pescoço dele e ele não se aguenta e da um gemidinho e fala.
– Assim não consigo cortar a pizza.
– Ta bom, desculpa não gostou eu paro.
– Nãoooooooooooooooo
Continuo encoxando ele enquanto ele corta a pizza passando meu pau entre as nadegas dele ele involuntariamente empina a bundinha fazendo a cabecinha do meu pau que já esta babando, (meu pau muito babão) encostar bem no buraquinho dele deixando todo babado. Passo a mão na barriga dele e sinto ela melada, desço a mão e sinto seu pau duro e babado também.
– Nossa pelo jeito a pizza ta gostosa rsrsrs
– E como está.
Ele vira fica de frente comigo nossos pau se encostam e ele coloca um pedaço de pizza na minha boca e diz.
– Viu, ta uma delicia.
– Está mesmo.
Sentamos na cama e comemos a pizza toda, peladinhos e de pau durinho rsrsrsrs.

Limpamos tudo e eu deitei na cama ele veio e deitou do meu lado, começou a acariciar meu peito, minha barriga e passando a mão no meu pau, estávamos bem cansados devido ao parque, então deitei e virei ele de costa ficando de conchinha, e fiquei roçando meu pau nele e ele ali quietinho, ate achei que tinha dormido, mas passei a mão na barriga dele e no pau e tava durinho, ele vira o rosto e diz.
– Me come devagarinho, assim de ladinho.
– Ta bom.

Coloquei meu pau babão bem na entradinha que já estava bem lambadazinha, e ele foi entrando bem devagarinho, quando ele estava todo dentro eu dou umas bombadinhas de leve e paro, e so fico ali dentro dele parado, ele abraça meu braço se aconchega e fala.
– Só fica assim ate eu dormir
E ficamos ali, ele pegou no sono e eu também, eu dentro dele até dormir.
No sonho estou de pau duro e todo melado sentindo um forte tensão, abro meus olhos sonolento e vejo meu amigo me chupando, Nossa que tesão, sempre quis ser acordado com um boquete. Ele olha pra mim e diz.
– Bom dia, desculpa não resisti, ele tava ai todo durinho.
– Bom dia, adorei sempre quis ser acordado assim.
– Eu sei, você me falou uma vez isso.
– Menino sapeca.
– Só retribuindo o dia maravilhoso de ontem.
Ele ficou ali hora me chupando hora deitado no meu peito, então ele olha pra mim e diz.
– Não quero que você faça nada tah, eu que vou fazer tudo, confia em mim. Vira de barriga pra baixo.
Virei e ele subiu em cima de mim e começou a fazer uma massagem nas minhas costas, pernas, e as vezes colocava mão por baixo para passar no meu pau. Pediu para eu me virar, eu como sou fraco pra massagem já estava com meu pau latejando e doendo. Ele percebeu e começou a massagear meu peito, minha barriga e se dedicou um tempo massageando minhas bolas e meu pau, aliviando a tensão que estava neles, então ele ficou bem em cima do meu pau roçando seu bumbum nele, seu pau não parava de babar na minha barriga e ele pedia desculpas, e limpava com a boca, passando a língua na própria babinha. Empinava a bundinha enquanto fazia isso, se esfregou ainda mais em mim e foi descendo até a pontinha do meu pau estar bem no cuzinho dele e começou a descer e meu pau foi entrando, deslizando para dentro dele. Quando entrou tudinho ele fica em cima de mim. O pau dele duro e babando e ele começa a cavalgar, a baba do pau dele mela eu e ele todinho com movimento, ele coloca mãos pra tras levanta o quadril e desce e sobe gostoso no meu pau, então ele fica reto de novo senta ate o fim apoia a suas mãos na minha barriga, olha pra cima contrai seu cuzinho apertando meu pau e fala.
– Ahhh desculpa não vou aguentar.
E começa a gozar, sua porra vai longe acertando minha barriga, meu peito, meu pescoço. Eu não aguente isso e acabo gozando dentro dele, enchendo-o todinho. Ele da uma reboladinha e deita sobre meu colo, com meu pau ainda dentro dele. Ficamos ali por um tempo ate meu pau amolecer dentro dele e eu sentir minha porra escorrer dele melando meu saco.
Fomos pro banho e as vezes ele me chupava as vezes eu lambia a bundinha dele, acabei deixando uma marquinha de mordida no bumbum dele pra ele lembrar durante a semana rsrsrs. Depois dali fomos para rodoviária e voltamos para nossas vidas comum, como se nada tivesse acontecido.
Bem pessoal espero que tenham gostado e se gostou comente ai qual das 3 partes te excitou mais, pq o legal de escrever é ler os comentários. Quem sabe não conto outras, acho que vou contar uma vez que brinquei de policia e ladrão com minha prima.

Deixe uma resposta