Transei com meu amigo casado

Meu nome é Henrique, sou de Olinda-PE e moro no Rio de Janeiro há 3 anos Sou moreno, 173, corpo normal 21 anos e etc. Quando vim pra cá, eu não conhecia ninguém, então comecei a trabalhar e fiz amizade no trabalho lógico, em especial com o Pedro, um rapaz que eu achava que era solteiro, muito lindo, pois o mesmo só vivia na farra e sempre chegava bêbado na segunda para trabalhar, depois de um mês ele me falou que era casado e já tinha filhos. Pedro, era branco, olhos claros, parrudo, 26 anos e bem animado. Eu não sentia nada por ele e conheci a esposa e os filhos num certo churrasco que a gente fez, virei muito amigo deles e as crianças me adora. Até que ao passar do tempo nos tornamos melhores amigos e começamos a sair juntos, beber juntos e comecei a ver ele com outros olhos e sem o mesmo desconfiar. E pra minha surpresa ele tinha ciúmes de outras pessoas que chegavam ao meu redor, ele mandava eu me afastar, mandava vários áudios zangado. Passou a ir pra minha casa antes do trabalho para trocar de uniforme e tals, pois eu morava a poucos metros da empresa e ele deixava as coisas dele lá em casa. E eu já gostava muito dele, imagivana a gente fazendo muita sacanagem. Certo dia eu fui pra casa de meu primo estava chovendo muito e o Pedro me liga as 19:30 falando que estava passando mal no quintal de minha casa, no mesmo instante eu volto pra casa e vejo que era mentira e estava apenas sem querer ir pra casa pq estava muita chuva e não queria pegar ônibus, então fiquei, fiz janta pra gente e sentamos no sofá. Na hora de dormir umas 23hrs eu vou pra meuquarto e falo pra ele ficar a vontade e doido que ele fosse pra meu quarto, a cama era de casal. Ele ficou no sofá e fui deitar, como de costume durmo só de cueca. Em questão de minutos o Pedro entra no meu quarto falando que não queria dormir no sofá e deitou comigo na cama… de boa. Até aí tranquilo, a gente ainda fica conversando e de repente ele fala que já sabia que eu gostava de pau, eu tentei desfarçar, mais não consegui e fiquei quieto e percebo que ele tirou a bermuda, luzes apagadas, e ele pega minha mão e coloca no pau dele. Aquela sensação quase tira meu coração pela boca, que delícia, não deu pra ver como era pq estava escuro, então eu falo que não gostava e ele insiste em colocar minha mão, e de outra vez que ele dormiu bêbado em casa ele falou que eu chupei o pau dele com eledormindo (mais não foi verdade) aí eu deixei, e sentei na cama e fico punhetando ele enquanto ele dava umas suspiradas fortes, não aguentei e cai de boca. Que pau grande e grosso, aquele líquido saindo da cabeça e aquele cheiro de macho… fiquei doido e engolia tudo, chupei bastante aquela pica. Depois ele se levanta para pega a carteira e pergunta se meu cu era apertado, eu falei que sim (até pq nunca tinha transado com homens, mais ele não sabe) e o mesmo de diz que vai comer, pisquei na hora. Aquele homem gostoso do jeito que gosto, me falando isso em susurros eu falei que podia sim. Fiquei surpreso quando ele me a camisinha que tirou da carteira e manda eu colocar a camisinha no sou dele, aí ele fala que ia meter e pergunto se não ia doer. Acho que ficou zangado pq deitou de vez na cama e deu ordem pra chupar aquele mastro, não perdi tempo chupei e deixei bem molhado e mandei ele meter.Fico de bruços e sinto aquele corpo quete por cima de mim e aquela tora de carne querendo me invadir, posiciono a cabeça na portinha do cu e sinto a cabeça entrando, que delícia. Uma mistura de dor com tesão, mais tesão, sinto quando a cabeça entra e mete o resto sem parar. Ficamos nessa por uns 30 min. Depois tira o pau e a camisinha e manda chupar o pau. Tava completamente babado, chupei com vontade, depois ele se levanta e mete sem camisinha mesmo, e anunciou que ia gozar dentro, e eu doido de tesão mandei ele gozar, mais não estava nem perto. Tirou o pau e fomos pra o banheiro, liguei a luz e puder aquele pau lindo vermelhinho a cabeça parecia um formato de um cogumelo, ele me chupou e meteu a língua no meu cu, pirei. Já cai de boca de novo em seu pau. Depois me levantoue me comeu em pé, gente que homem puto, me levou pra cama com o pau dentro do meu cu e me comeu de ladinho e ficamos assim bastante tempo. Levantou meteu de quatro, eu queria sentir a gozada dele na minha boca, já estava mentendo com força, sinal que ia gozar, me coloca de bruços e empurra tudo de uma vez e continua metendo e sem querer o pau sai e sinto a porra quente escorrendo e ele mete de novo bem fundo e fica lá com o pau atolado dentro de mim, gemendo devagar no meu ouvido e perguntando se eu tinha gostado. Eu adorei, falei… Depois ele se joga na cama exausto, ainda de pau duro e fico mexendo no pau dele e me assusto quando ele mete a mão no meu pau bateuma punheta e gozo rapidinho. Nesse momento nada mais importava, só a gente. A gente foi tomar banho lavei o pau dele, suas costas, tão gostoso. Troquei os forros da cama, dormi na mesma e ele dormiu no sofá, FDP só queria me comer naquele dia, eu acho. No dia seguinte agimos como se nada tivesse acontecido e ficamos na amizade. Aí tempos passou e ele falou que estava gostando de mim, mais pedi amizade pois fiquei com peso por ele ter traído a esposa. Mais confesso que mesmo depois de um ano ele foi mandado embora e a gente se falando todos os dias e se vendo as vezes, eu sinto falta e queria que tudo se repetisse. Ele fala que ainda gosta de mim. E não estou mais resistindo, depois dele, ainda não fiquei com nenhum homem.

2 comentários em “Transei com meu amigo casado”

Deixe uma resposta