Conto erótico tia e sobrinha

Boa noite
Vou dar início a este primeiro conto de muitos rsSou Oliveir tenho 31 anos, moreno 1,73 corpo atlético, cabelos pretos olhos castanhos, mas o que chama atenção em mim mesmo seria a boca.
O conto de hoje é referente uma segunda feira que estava estressado e resolvi ir em uma balada na barra funda em São Paulo, isso mesmo Segunda na balada que começa às 23:30hs.
Chegando na porta da balada encontrei duas novinhas, logo me aproximo e começo um diálogo era sobrinha e tia as duas sozinhas e querendo curtição.
Conversamos e entramos logo pedimos as bebidas e começou o show muito funk, sertanejo e festa.
Uma dança daqui, um sarrada dali, começa a pegação muita putaria beijar a tia depois a sobrinha, a tia tinha 25 a sobrinha 23.
Tudo que eu queria era fuder com as duas e foi assim que rolou a madrugada o tesão a mil, louco pra chupar aquelas safadas, não demorou para vim o convite.
Tia- vamos sair daquiEu- claro estamos perdendo tempoSobrinha- eu topo tudo

Saímos da balada e fomos logo para um motel na região mesmo, o primeiro que vimos, no carro a putaria já estava boa, a sobrinha na frente já bateu uma punheta no meu pai e a tia me agarrando tirando minha blusa, mal conseguia dirigir.

Chegado no motel em alto estilo, quase pelado escolhemos a suíte e fomos curti o resto da noite, uma coisa que nunca imaginei duas mulheres se pegando sendo tia e sobrinha.
Que delícia aquela cenaQue tesãoQue noite filha da putaDuas gostosa, tia magra corpo de modeloSobrinha corpão de mulher de praiaFenomenal o tesão nas alturas
Já comecei chupar a sobrinha e metendo na tia de quatro uhhhhhhh caralho, tava foda viver aquilo era demais revesando com duas gostosas, sentindo cada uma gozando na minha boca e pedindo pra serem fundidas sem dó, depois de alguns minutos gozei na cara das duas ohhhhh foi foda demais..Continuação

Deixe uma resposta