Meu colega de trabalho

Qual o nome dele?
Juvenal

Sabe aquelas coisas q acontece por acaso, foi exatamente assim
Era meu primeiro dia no trabalho novo, quando vi de repente um homem maravilhoso, moreno, Alto, sem camisa e com um sorriso lindo passando por mim, naquele primeiro momento meus olhos brilharam, fiquei enlouquecida

Passou uns minutos meu chefe disse que aquele homem era meu colega de serviço, aí mesmo q pirei, ter do meu lado uma tentação daquelas.

Passando os dias a gente começou a conversar e comecei a vê-lo de uma forma q nao devia, além de tudo ele era uma excelente pessoa, adorável, doce,brincalhão, um homem muito interessante
Me despertou algo q não podia prever, me apaixonar
Infelizmente já imaginava, ele namorava, msm assim aquele sentimento insistia em fica dentro de mim.

Tempos depois me declarei, não podia suportar guardar aquele segredo, meu coração vibrava quando ele se aproximava, minhas pernas tremiam ,seu cheiro me fazia delirar, mesmo que já imaginava sua resposta, eu escrevi uma mensagem e ele disse que sentia muito, mais não poderia.
Ele me pediu pra não fica com vergonha no dia seguinte e disse q não ficaria, que iria conversar normal com ele, e assim foi.

No dia seguinte mesmo envergonhada, eu conversei com ele, não podia me afastar por causa daquilo, até por que ele não tinha culpa pelos meus sentimentos.

Como ja esperava por aquilo, segui minha vida, começamos uma amizade.
Mais até parece que eu conseguiria te olhar e não te querer, meus olhos sempre q podia estava ali desejando por aquele corpo, aquela boca.
Eu contava os minutos pra ver lo, era uma sensação louca

Eu chegava no trabalho e fazia te tudo pra ta sempre olhando pra ele, ele chegava perto meu coração batia forte

Ficava um tempão antes de dormi pensando nele, eu sempre o beijava antes de dormi na minha mente

Numa certa conversa sobre um jogo eu fiz um desafio, se ganhasse queria uma noite com ele e se ele ganhasse ele podia pedi oq quisesse, ele ganhou e não queria pedi nada, claro que de tanto fala q era o certo ele pediu, fotos nuas e enviei.

Ele disse que não tinha como saber se era realmente fotos minhas.
No dia seguinte eu estava no quartinho de descanso e ele chegou e eu com aquele fogo me devorando por dentro, levantei minha blusa e mandei ele conferi, ele me olhou sem entender direito, mais ficou ali, me aproximei e peguei sua mão e pedi pra ele me tocar, ele se recusou e fiquei furiosa, então ele saiu.

Me deixou ali parada, doeu…mais tinha q continuar a vida como se nada tivesse acontecido.

Dias depois a gente tava sozinho no quartinho tendo uma conversa e lhe disse q estava fedendo a leite, ele me disse q não estava e claro fui conferi, cheirei seu pescoço, ele então me virou e pediu pra levantar a blusa, ele começou a chupar meus seios e fiquei ali perplexa.

Mais o que queria mesmo era um beijo seu, ele chegou perto da minha boca, mais não sei o motivo, não conseguiu me beijar.

Por várias vezes chegamos próximo a isso, mais toda vez algo lhe travava e nada acontecia.

Era seu último dia antes das suas férias, eu disse pra ele que precisava de uma despedida.

Não esperava que ele iria querer, mais é claro que eu fui atrás dele, fiz mais uma vez a pergunta

Não vai ter uma despedida ?

Ele estava subindo as escadas, me olhou com olhar malicioso e disse, vem aqui

Subi rapidamente ao seu encontro, coração estava a mil, quase saiu pela boca, e foi então que ele me puxou e me deu um beijo que fiquei estremessida, era um beijo que tirou meu ar, ouvimos um barulho e tive q ir embora

Fiquei com aquele sorriso bobo por horas, foi algo q esperei muito
Eu sentia sua falta então cheirava seu avental, pra senti seu cheiro e matar a saudade q sentia

Mais quando ele voltou, tudo era diferente, não tocamos no assunto.
Aquele sentimento adormeceu, ficou só a lembrança

A gente tinha uma amizade estranha, brigava por coisas sem sentidos, mais quando precisava, ele tava ali pra me ajudar

Ele ficava bravo e ficava com aquela cara de mal, mais até nesse momento ele ficava lindo

Ele ficou meses sem fala comigo depois de uma briga, voltamos a conversar, rolou alguns beijos quentes.

Em um certo dia disse q tinha uma rosa como marcador de texto mais q não gostava dela, ele então me disse que me daria uma, não acreditei é claro
Mais aí ele me surpreendeu, colocou uma rosa no meu armário.
Ela era linda, fiquei emocionada pela sua atitude, um jeito carinhoso, adorável

Pena que ele não ficou pra ver o meu sorriso, lhe mandei a foto dela e a guardei no livro, ela tinha seus espinhos, mais não quis retira-los, pois quem ama as rosas aceita os espinhos, como as pessoas, elas tem seu lado bom, mais temos que aceitar que todos tem seus defeitos,e claro que vou guardar ela para o resto da minha vida.

Dias depois descobri q ele tinha ficado noivo e não queria atrapalhar, foi ai que me afastei.

Claro não era o que queria, mais eu fiz

Ficamos só na amizade por um bom tempo e até isso me fazia bem, mais…
Os anos passou e até q aconteceu uma brincadeira entre nós e ficou um clima quente no ar e dali em diante não tinha como saber até onde aquele fogo chegaria, conversamos muita safadeza e coisas picante e o desejo só crescia, ele chegava perto e meu corpo fervia de vontade

Sempre acontecia uns amassos, e quando sentia ele se esfregando em mim, com aquele pau enorme,com cara de cachorro selvagem, minha calcinha sempre molhava, entrava em êxtase.

Seus beijos, ele não tinha ideia do que me causava, ficava extremamente excitada.

Ele me incendiava por dentro.

Tinha fantasia eróticas, sonhos alucinantes.

Ele me provocava, me beijava, mordia meus lábios, sussurava em meus ouvidos,me fazia perder o juízo.

Mais demorou um pouco até q ele me chamou pra sair, fomos pra um motel, ele se aproximou e me deu um beijo daqueles q perdemos até os sentidos, tirou minha blusa e começou a beijar meu pescoço, fiquei toda arrepiada, tirou minha calça e me jogou na cama e colocou sua boca no meio das minha pernas, aquela boca quente e sua língua era incrível.

Era minha vez, eu ali olhando aquele homem nu, que eu desejei por anos, seria uma sensação totalmente diferente, como se fosse beber um vinho q estivesse guardado por anos, a melhor safra, melhor gosto.

Não sabia nem por onde começar, mais queria sentir o sabor daquele pau, fui descendo devagar em sua barriga, dando leves mordidinhas e beijos, cheguei com minha boca e passando minha língua lentamente nele, sentia o sangue pulsar em minhas veias, comecei a chupa e olhei pra cima, lá estava ele me olhando com aquele olhar safado, minha vontade era de ficar ali por horas.

Ele me puxou, me beijou suavemente e colocou seu pau super duro dentro dela, gemia de prazer

Subir em cima dele, gozamos intensamente, logo dps me inclinou sobre a cama e colocou com força, puxou meu cabelo e socou fundo
Quando acabou, meu coração estava acelerado, nossos corpos suados e ele me colocou em seu peito como uma forma de carinho e fiquei ali sonhando acordada

Queria parar o tempo, fica ali em seus braços, ele não percebeu mais deu até vontade chorar, fiquei emocionada
Foi muito mais do que imaginei e até hj tenho dúvidas se aquilo aconteceu de verdade ou se foi um sonho lindo.

A partir dali continuamos a nos despedir toda noite, com um abraço e alguns beijos, sempre me despedia como se fosse a última vez, pois não sabia quando seria.

A vida não podemos saber quando sera a última vez de nada.
O que posso dizer é que essa história ficará marcada pra sempre em meu coração.

Cada beijo, cada abraço, cada carinho e cada afeto será lembrado.
Espero que ele tenha ótimas recordações e que um dia ele pare pra pensar e em sua mente venha como um filme louco tudo que passamos.

Leia mais contos eroticos

Compartilhe com seus amigos:

Deixe uma resposta