Minha prima só quer leitinho

Na verdade ela Ana(50 anos) é a mulher do meu primo Marcos(70anos) eu e ala temos a mesma idade, como o meu primo teve problemas de próstata não ejacula mais e isso deixa a Ana muito louca porque sempre gostou de beber um leitinho, sentir escorrer na sua xoxota, eu e ela tivermos na infância uma aproximação antes de ela conhecer meu primo que vieram a se casar.

Eu fiquei sabendo deste detalhe do leitinho que fazia falta e me acendeu um alerta, certa ocasião numa festa de família depois de tomarmos umas criei coragem e aproveitei que ela estava conversando e comeu bolo mas ficou no canto da boca aquele branquinho, não perdi temo e fui direto com ela, nossa chega estar escorrendo, será que é o que imagino, ela seu atrevido passou a mão e limpou é do bolo não o que você está pensando, mas bem que seria bom tenho saudades disso e sorriu com aquele ar de sacana, ai iniciamos umas palavras de sacanagem e conversa excitante, falei para ela que sempre tive vontade de te foder mas como somos parentes me segurei, ela amiga de minha mulher que foi como fiquei sabendo da falta de leitinho, ela ficou em cima do muro sem falar para ou continua, chegou alguém perto paramos e nada mais aquele dia.

Alguns dias depois estava no supermercado com minha mulher e encontramos com a Ana, se cumprimentamos e notei que ela me olhou de cima para baixo, mas tudo certo ela foi par um lado e nos para o outro, minha mulher foi escolher frutas e legumes e peguei o carrinho falei vou ver umas cervejas e sai mas a intenção era outra, ver a Ana e localizei no setor de xampus, fui direto nela e falei logo que fiquei com aquilo martelando ela ter falado que tinha saudades do que escoria no canto da boca igual ao bolo, ela isso é uma história longa e não daria para ser ali, vamos marcar outra hora tua mulher está ai, não quero problemas, falei eu quero te dar a solução.

Ela anotou meu tel que não tinha e ficamos de conversar.
Me ligou umas 3 horas depois pedindo se eu podia sair agora e ir na sua casa que o Marcos saiu com uns amigos tem um jantar mensal da turma da faculdade dele. Fiquei todo enrolado como ia sair se tinha chegado a pouco, mas dei uma desculpa e minha mulher aceitou, sai como estava nem troquei a roupa para não dar bandeira, fica uns 3km, fui rápido de UBER, quando cheguei levei um susto ela estava de top e shortinho e salto alto, falou entra e me puxou me tascando aquele beijo e se contorcia toda, fiquei meio incomodado mas ela que estava em casa sabia o que fazer continuamos e fomos para o quarto de visitas, quando notamos estava os dois só de calcinha e cueca e começos a rir de nos dois.

Acalmamos um pouco e começamos a conversar, eu sabia da falta, mas queria saber dela, mais excitante e começou a me contar que o Marcos não era mais aquela potência, a diferença de 20 anos agora está fazendo a falta, ela com todo fogo ele meio brocha, não ejacula mais e ela adora beber esperma de escorrer no canto da boca, gosta de tocar sua xoxota com esperma escorrendo estas coisas que não tem mais.

Fiz cara de surpresa e me prontifiquei em satisfazer ela meio ficou acanhada, fui para cima e beijei novamente pedi você quer sentir primeiro a onda meu leitinho quente, na boquinha, na xoxotinha ou na bundinha, ela em tudo que puder me dar e nisso foi me empurrando na cama, tirou minha cueca, falei estou meio suado, ela deu uma cuspida na cabeça, meio que lambuzou e abocanhou, nossa que boca quente engolia minha pica com uma vontade que eu me contorcia, Ana como você mama gostoso, chupa mais e vai se virando quero chupar tua buceta também, ela não agora só eu mamo e pedindo goza logo faz anos que não sinto o gosto de uma porra, vai me enche, ela descia no meu saco, lambia subia, descia meu pau estava todo melado ela estava possuída, mamava, engolia tudo que podia do meu caralho, cuspia na cabeça de escorrer e ia sugando tudo, lambia que chegava escorrer no meu rabo e numa destas a safada deu uma lambida no meu rabo que fui a loucura, nunca tinha feito isso que tesão aquela língua na porta do meu cu, ela sentiu que me contorci ai forçou a língua mas não entra e voltou até minha boca pedindo gostou, goza na minha boca que te mostro mais o que é bom, falei faz de novo que gozo logo, ela desceu até meu pau mamou mais e voltou lamber que pulsei e voltou para a pica sugando, senti que ia gozar e gritei Aninha safada engole minha porá toda, nisso ela segurando meu pau fez um fio terra que fui a loucura, não sei a onde encontrei mas gozei muito, enchi a boca dela de esperma que escoria nos cantos, tirou o dedo do meu rabo e apertava para sair até a última gota de esperma, engoliu um pouco e subiu melando toda minha barriga, peito até chegar na minha boca e falou quer e me tascou um beijo na boca com aquele gosto de porá, coisa totalmente diferente e ficamos se lambendo ate cair um para cada lado, ela alegria, isso é bom demais deitou no meu peito me alisando acariciando ai pediu gostou da minha língua…… e do meu dedinho, falei hoje é tudo novidade, nunca tinha transado com alguém da família e nunca tinha levado nada a trás, ela gostou, eu gostei de tudo nos beijamos e realmente foi delicioso cara que tesão da uma linguada no rabo. Foi quando me falou que o Marcos so alevanta a pica com ajuda da língua e o dedo dela no rabo, este viciado, ela não é veado é muito macho meu marido mas esta ajuda funciona.

Ela foi pegar uma cerveja par nos, voltou e falou vc prometeu leitinho em tudo que eu queria, vc consegue? Claro que sim, voce mamando vai demorar um pouquinho mas com certeza consigo sim, ela me deu um beijo muito gostoso e foi mamar, minha pica estava meia bomba e ela começou a mamar, chupava, descia ate o saco, lambia meu rabo e voltava, não enfiou mais o dedo so ficou forçando e logo meu pau estava duro de novo, ela pegou uma camisinha colocou no meu pau e pediu me enraba mas não goza quero na xaninha, sem problema vai demorar um pouco e foi sentando, nossa que cuzinho apertado não entrava, como sou um comedor de cuzinho com frequência de mulher e homem, falei vamos de lado ou de quatro, deitei ela de buço , coloquei dois travesseiros em baixo ficou empinada, dei umas linguadas no rabão dela e me posicionei na entrada pincelando a pica no cuzinho e fui metendo bem lentamente, colocava e tirava ela gemia, se contorcia e quando consegui enfiar tudo no rabo ela deu um grito e começou a se contorcer, foi ficando de quatro, que tesão de rabo e falava não goza quero tua porra na buceta, vai fode este cu que muito tempo não leva pica só dedo e consolo, eu tocava na buceta dela uma siririca que vertia parecia que estava mijando, muita coisa saia, ate que falei para que se não gozo, ela puxou de uma forma rápida e se virou, arrancou a camisinha colocou mau pau na boca deu uma sugada e falou vem na buceta agora, hoje sou uma mulher feliz e completa, nem precisei forçar melada como estava entrou tudo de vez ela começou a choramingar e me beijava, falava, ai que saudades primo me fode mais vai me faz feliz, eu metia com força que sentia bater la dentro ela gritava ui, vai mais, mete tudo, nossa que delicia nem sabia mais como era, porque não te procurei antes, olha o tempo que perdemos, e não demorou muito falei vou gozar, ela me segurava com as pernas nas costas e começou a gritar que tesão estou sentindo tua porá quente dentro de mim, vai quero mais não para mete goza tudo quero mois e começou a chorar de tesão e satisfação, ate que ficamos parados juntinhos sem movimento por alguns minutos um silencio, aquele cheiro de sexo, todos lambuzados, suados, gozados.
Se recompomos, ela ainda mamou mais um pouco para limpar tudo meu pau, saco, lambeu novamente meu rabo, falei pode parar, hoje voce me mata, ela riu e falou fica tranquilo, ainda vou fazer voce gostar de mais coisas.

Ficamos conversando, ela me falou de muitas coisas, ate que o Marcos tinha proposto um travesti, mas achei meio estranho, sei lá que tal que meu marido vai querer dar também na hora não achei legal, ai comprei um consolo, vc quer ver, falei hoje não na próxima kkkkk..
Nos beijamos, trocamos caricias, se despedimos e isso se repete ate hoje fazem uns 2 anos, sempre que podemos estamos fudendo, melhorou ate meu casamento. Depois conto como é agora ela faz o Marcos provar minha porá sem saber.
[email protected]

Compartilhe com seus amigos:
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

3 comentários em “Minha prima só quer leitinho”

Deixe uma resposta